FANDOM


Liga Menor A
FFM
Fundada
2005
Nação
País Menor - Bandeira País Menor
Rebaixamento para
Liga Menor B
(Jogo da Morte)
Número de times
16
Qualifica para

James Cook Cup
Copa LID

Campeão Atual
União Pioneira União Pioneira

A Liga Menor A é o escalão principal do campeonato nacional no País Menor. A Liga teve início em 2005, quando antigos clubes do futsal se reuniram e fundaram uma federação voltada ao futebol de campo. Antes Semi-Amadora, foi profissionalizada em 2009.

FormatoEditar

Até 2013Editar

O campeonato é divido em dois torneios: Torneio de Outono e Torneio de Primavera. Em cada um deles, os 16 clubes se enfrentam em turno único. Ao final dos dois torneios, o campeão de cada mais os dois (ou três, caso o mesmo clube vença ambos) demais melhores colocados na classificação geral avançam para as Semi-Finais. Tanto as Semi quanto a Final são disputadas em jogos de ida e volta, com o clube de melhor campanha (incluindo os pontos conquistados nessa fase de mata-mata) disputando o segundo jogo em casa.

Em 2009 e 2010, eram rebaixados os 3 últimos, com o 13º indo à disputa do Jogo da Morte ante o 4º colocado da Liga Menor B. À partir de 2011, como previa o regulamento da competição, apenas os 2 últimos são despromovidos, com o 14º disputando o Jogo da Morte.

2014Editar

Os 20 clubes se enfrentam, em turno único, pelo Torneio de Outono. Os 12 primeiros colocados se classificam para o Torneio de Primavera, enquanto os 8 últimos seguem para o Torneio da Morte.

No Torneio de Primavera, os 12 clubes se enfrentam, novamente em turno único. Os 2 primeiros da Primavera, mais os 2 demais melhores colocados na classificação geral, somados o Outono e a Primavera, avançam para a Semi-Final. Caso haja empate em pontos na classificação geral, ter sido campeão do Outono é o primeiro critério de desempate, seguido por saldo de gols e gols feitos. Na Semi-Final, os campeões de Outono, se classificado, e Primavera são cabeças-de-chave.

No Torneio da Morte, os clubes são divididos em 2 grupos, um com os clubes classificados entre 13º e 16º, no Outono, e o outro com os clubes classificados entre 17º e 20º. Cada clube enfrenta uma vez os seus adversários do mesmo grupo e duas vezes cada adversário do outro grupo, totalizando 11 rodadas. Ao final desta disputa, os 4 clubes com pior pontuação no Torneio da Morte, independente do grupo em que estiverem, são rebaixados.

2015Editar

Para a temporada 2015, a Liga Menor foi reformulada, de modo que as divisões acabaram unificadas. Assim, os 32 clubes do país passaram a disputar esta competição, divididos em 4 regiões com 8 clubes, cada. As regiões são ainda subdividas em 2 conferências, cada, com 4 clubes.

No primeiro semestre, os clubes enfrentam seus adversários de região (primeira etapa regional) e clubes de uma outra região (etapa inter-regional, que terá um rodízio anual), totalizando 15 partidas. O clube com melhor pontuação nesse período recebe o troféu do Torneio de Outono.

No segundo semestre, os clubes enfrentam novamente seus adversários de região (segunda etapa regional) e, por fim, seus adversários de conferência (etapa conferencial), num total de 10 partidas. O clube com melhor pontuação nesse período recebe o troféu do Torneio de Primavera.

Ao final dessas 25 partidas, o melhor clube de cada região avança diretamente para a final regional, disputada em jogos de ida e volta. Seu adversário sai do play-off regional, disputado entre o campeão da conferência à qual não pertence o 1º colocado da região e o melhor 2º colocado de conferências da região. Esse play-off é disputado em jogo único. Os campeões de cada região se juntam para disputar as semi-finais e a final nacional, ambas em jogos de ida e volta.

2016Editar

Para 2016, o formato de disputa do ano anterior foi mantido, porém com uma nova calendarização. A temporada agora começa com uma Rodada dos Clássicos, onde cada clube enfrenta um adversário previamente pareado. Em seguida, os clubes enfrentam seus adversários de região (etapa regional) e de conferência (primeira etapa conferencial), totalizando 11 jogos. O clube com melhor pontuação nesse período recebe o troféu do Torneio de Outono.

No segundo semestre, os clubes enfrentam adversários de outra região (etapa inter-regional) e novamente seus rivais de conferência (segunda etapa conferencial), totalizando os mesmos 11 jogos. O clube com melhor pontuação nesse período recebe o troféu do Torneio de Primavera.

Ao final dessas 22 partidas, o melhor clube de cada região avança diretamente para a final regional. Seu adversário sai do play-off regional, disputado entre o campeão da conferência à qual não pertence o 1º colocado da região e o melhor 2º colocado de conferências da região. Os campeões de cada região se juntam para disputar as semi-finais e a final nacional. Todos os confrontos passam a ser disputados em jogos de ida e volta.

2017Editar

O formato de 22 partidas na temporada regular foi mantido para 2017, com alterações apenas na montagem da tabela. A partir de agora, os clubes jogarão uma fase conferencial (3 jogos contra rivais de conferência), uma fase regional (7 jogos contra rivais de região), uma fase inter-regional (8 jogos contra clubes de outra região) e uma fase inter-conferências (4 jogos contra clubes de uma conferência que não faça parte da mesma região nem daquela com a qual se disputa o inter-regional). O regulamento para a fase de mata-mata permanece inalterado.

2018Editar

Ao fim da temporada 2017, houve uma reformulação da Liga Menor, com o retorno do sistema de pirâmide. Os 4 semi-finalistas da Liga Menor 2017 e os 8 demais clubes mais bem classificados no Ranking da FFM foram selecionados para compôr a Liga Menor A 2018, agora com status de primeira divisão, enquanto as demais 20 agremiações foram divididas entre a segunda e terceira divisões, também de acordo com o Ranking.

O formato de disputa passa a ser o de turno e returno, totalizando 22 jogos. O campeão do Torneio de Primavera (returno) e os 3 clubes com melhor pontuação na tabela geral avançam para o mata-mata, com semi-finais e finais sendo disputadas em ida e volta, sendo o segundo jogo na casa do time de melhor campanha geral na primeira fase. Ao final da competição, os dois últimos colocados são rebaixados para a Liga Menor B, enquanto o 10º colocado disputa o Jogo da Morte para tentar a manutenção.

2019Editar

O bom nível de disputa em 2018 levou a Liga a decidir, na metade da temporada, pela ampliação para 16 clubes na primeira divisão. Com isso, o regulamenta muda um pouco. No primeiro semestre, os clubes se enfrentarão em turno único, pelo Torneio de Outono. Os 10 primeiros colocados seguem para o Torneio de Primavera, enquanto os 6 últimos disputam um Torneio da Morte, ambos ocorrendo no segundo semestre.

No Torneio da Primavera, os 10 clubes se enfrentam em turno único. Os dois primeiros, junto aos demais 2 melhores na tabela geral (somando Outono e Primavera) seguem para as semi-finais, em ida e volta (assim como a final). No Torneio da Morte, os 6 clubes se enfrentam em turno e returno. Os dois últimos (contabilizando apenas os resultados nesse torneio) são rebaixados, enquanto o 4º colocado deverá disputar a manutenção no Jogo da Morte.

Classificação para a COMPACTAEditar

Os mais bem classificados da competição adquirem uma vaga na JCC, principal competição de clubes da COMPACTA. O número de vagas depende da definição anual da confederação. Do mesmo modo, os clubes mais bem classificados seguintes à estes ganham o direito de disputar a LID, competição secundária da COMPACTA.

PalmarésEditar

Ano Campeão Vice Terceiro Quarto Artilheiro Gols
Era Amadora
2005 Sport Barra Águias de Fogo Report Suzano Estrela Menor Cayo (SPB)11
2006 Sport KTR Sport KTR Águias de Fogo RiverRiverSport Barra Daniel (AGF)
Lucas T. (SPK)
30
2007 Sport Barra Sport KTR Sport KTR Valencia Sporting Dirlei (SPO)21
2008 Sport Barra Sport KTR Sport KTR Sporting Valencia Lucas T. (SPK)41
Era Profissional
2009 Bengali BengaliSporting Lions Sporting LionsGuarany Serenal Guarany SerenalPaladino PaladinoÉvertom Tigre (BEN)28
2010 Paladino PaladinoYoung Inverness Young InvernessBengali BengaliGarra GarraSkyla (YOI)23
2011 União Pioneira União PioneiraGarra GarraYoung Inverness Young InvernessPaladino PaladinoKolult (GUA)17
2012 Young Inverness Young InvernessNostalgia NostalgiaUnião Pioneira União PioneiraGarra GarraStaryk (UPI)21
2013 Nostalgia NostalgiaYoung Inverness Young InvernessUnião Pioneira União PioneiraPortal PortalKales (RSV)
Staryk (UPI)
Tico Castro (PAL)
17
2014 Portal PortalNostalgia NostalgiaParaduseve ParaduseveImortal ImortalDykstra (BEN)24
2015 Paraduseve ParaduseveRosa dos Ventos Rosa dos VentosPortal PortalGarra GarraSandro (CEN)
Staryk (UPI)
17
2016 Paladino PaladinoParaduseve ParaduseveRosa dos Ventos Rosa dos VentosKitsune KitsuneInácio Brum (CMR)18
2017 Omni Clube OmniYoung Inverness Young InvernessGuarany Serenal Guarany SerenalAurora AuroraMaël (GUA)21
2018 União Pioneira União PioneiraPaladino PaladinoKitsune KitsuneParaduseve ParaduseveVirtus Nova (PDE)14


  • Galeria de Campeões


Clube Títulos
Sport Barra 3
Paladino Paladino 2
União Pioneira União Pioneira 2
Sport KTR Sport KTR 1
Bengali Bengali 1
Young Inverness Young Inverness 1
Nostalgia Nostalgia 1
Portal Portal 1
Paraduseve Paraduseve 1
Omni Clube Omni 1

Torneios SazonaisEditar

Os Torneios de Outono e Primavera começaram a ser disputados em 2009, após a profissionalização da Liga, premiando os clubes com melhor desempenho no 1º e 2º semestres, respectivamente.

Ano Campeão do Torneio de Outono Campeão do Torneio de Primavera
2009 Bengali BengaliBengali Bengali
2010 Paladino PaladinoBengali Bengali
2011 Garra GarraPaladino Paladino
2012 Young Inverness Young InvernessUnião Pioneira União Pioneira
2013 Young Inverness Young InvernessUnião Pioneira União Pioneira
2014 Paraduseve ParaduseveNostalgia Nostalgia
2015 Rosa dos Ventos Rosa dos VentosPortal Portal
2016 Bengali BengaliRosa dos Ventos Rosa dos Ventos
2017 Paraduseve ParaduseveTigres (PAM) Tigres
2018 Omni Clube OmniUnião Pioneira União Pioneira


  • Galeria de Campeões


Clube Títulos de Outono Títulos de Primavera
Bengali Bengali 2 2
Young Inverness Young Inverness 2 0
Paraduseve Paraduseve 2 0
Paladino Paladino 1 1
Rosa dos Ventos Rosa dos Ventos 1 1
Omni Clube Omni 1 0
Garra Garra 1 0
União Pioneira União Pioneira 0 3
Nostalgia Nostalgia 0 1
Portal Portal 0 1
Tigres (PAM) Tigres 0 1

DadosEditar

Atualizado até 2018

  • Maior Média de Gols: 4,07 por jogo (2008)
  • Menor Média de Gols: 2,68 por jogo (2014)


  • Maior Goleada: Águias de Fogo 9 X 0 Central (2006) e Omni 9 X 0 Guarany Serenal (2018)
  • Jogo com Mais Gols: Sabre 5 X 8 Estrela Menor (2006)


  • Jogador com Mais Gols em um Jogo: Léo (RES - Report Suzano 6 X 0 Estrela Menor - 2006), Leonardo (VAL - Valencia 5 X 6 Sabre - 2006), Leonhardsen (SPD - Sport DEV WYS 6 X 1 Skoka - 2006), Dirlei (SPL - Marmara 4 X 5 Sporting Lions - 2008), Dykstra (BEN - Bengali 6 X 3 Garra - 2012) e Keldor (OMN - 9 X 0 Guarany Serenal) - 5 gols
  • Maior Artilheiro em uma só Edição: Lucas Teneiro (SPK - 2008) - 41 gols
  • Maior Artilheiro: Dirlei - 160 gols em 12 temporadas


  • Maior Número de Pontos Conquistados em uma Edição: Bengali - 78 (2009)
  • Menor Número de Pontos Conquistados em uma Edição : Marmara - 6 (2005)
  • Melhor Aproveitamento em uma Edição: Sport Barra - 80% - 72 pontos em 90 disputados (2007)
  • Pior Aproveitamento em uma Edição: Marmara - 15,4% - 6 pontos em 39 disputados (2005)


  • Mais Gols Feitos em uma Edição: Sport KTR - 106 (2008)
  • Menos Gols Feitos em uma Edição: Náutico Cruzeiro do Sul - 6 (2005)
  • Mais Gols Sofridos em uma Edição: Estrela Menor - 95 (2006)
  • Menos Gols Sofridos em uma Edição: Sport Barra - 6 (2005)
País Menor - Bandeira Liga Menor A País Menor - Bandeira
Futebol Menor|Seleção Menor
2005|2006|2007|2008|2009|2010|2011|2012|2013|2014|2015|2016|2017|2018