FANDOM



Humaitá
Nome completo Athletico Humaitá Campobelense
Cidade Campo Belo
Apelidos La Pásion
Los Mecanos
Los Conejos
Estádio Plaza Pascal
Capacidade 30.500 pessoas
Fundado 04/04/1946
Liga Atual Campeonato Monalteca

O Athletico Humaitá Campobelense ou como é mais conhecido Humaitá é um clube monalteca de futebol da cidade de Campo Belo, o clube foi fundado em 1946.


HistóriaEditar

Em abril de 1946, após alguma reuniões já realizadas, uma turma de bons jogadores atuava em partidas “underground” usando uma camiseta amarela como identificação. Camisetas normais, de passeio, não de futebol. Queriam montar um time de verdade. 11 meses antes, o Miruna havia sido fundado e era o melhor time da cidade. Nessa reunião, 3 líderes desse time participaram e se propuseram a ajudar para o estabelecimento do time. Ajudaram com idéias e empréstimo de prestígio. E perderam os 3 amistosos iniciais que fizeram contra o amarelo-e-verde, causando certo constrangimento. O Humaitá passava a incomodar, e, por isso, existir.

A cor forte, o futebol vistoso e a maneira pujante de aglutinar jogadores e adeptos fez do Humaitá, rapidamente, uma das referências do futebol local. Paulicellia e Ipê foram outros adversários que calejaram o Humaitá em seu início. Em brigas homéricas, e em derrotas acachapantes. Já era fato consumado que o Humaitá era o forte, e os registros mostram que muitos adeptos se reuniam na praça em frente ao Teatro Regional, pois era alí que os jogadores se encontravam antes de irem aos jogos.

Essa força de torcida fez os jogadores se sentirem distantes do popular varzeano, fez os jogadores se acharem estrelas. Ainda mais quando, em pouco tempo, o Humaitá passou a ser acarinhado por políticos do arquipélago, que curtiam o time em todos os sentidos.

O auriverde tem por vocação a liderança da primeira época monalteca profissionalizada, mas é curioso notar que seu único título nesses primeiros anos de futebol no país veio em 1965. Em 1966, nasce seu eterno inimigo Campo Belo, e o Humaitá passa muitíssimos anos sem conquistar títulos, só voltando à tona na década de 80, ainda respeitado, mas já sem ser sequer a maior torcida da cidade. A falta de títulos e a ascenção do Campo Belo golpearam o clube que, aos poucos, e com sua nova sede, a Plaza Pascal, “presente” de Alcha, foi voltando a ser um time mais estável.
Plazapascal.png

Plaza Pascal, presente de Alcha para o clube

Os anos como coadjuvante doeram. Desde o nascimento de seu maior rival, em 66, o Humaitá teve bons nomes, mas nunca deixou de ser coadjuvante. Ficou 14 anos sem nenhum caneco, levou a regional Copa Humboldt em 79, mas nem todos consideram isso como “sair da fila”.

Já a década de 80 teve mais fluidez. Em 82 e 83, o bicampeonato da Taça Nacional de Monolito. E, no final da década, uma parceria com a japonesa Nintendo fez o time montar um esquadrão, caro e opulento, liderado pelo craque Vicente Leporace, que teve rescaldos numa década de 90 de bastantes frutos.


RivalidadesEditar

O grande rival do Humaitá é o Campo Belo e formam a rivalidade mais feroz do país.

Conga e C.A.F.E. são outros dois times que, ao longo da história, tornaram-se rivais secundários do clube auriverde.


ÍdolosEditar

  • Monolito Felenzo
  • Monolito Ranaldo Otelle
  • Monolito Benoit Mayeaux
  • Monolito Uretavizcaya
  • Monolito Vicente Leporace
  • Monolito Risadiña
  • Monolito Julio Barbetto
  • Monolito Bobianco
  • Monolito Carmelo Damato
  • Monolito Ricardo Santana

TítulosEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória